sexta-feira, 23 de fevereiro de 2024
Home TV CNN Brasil encerra parceria com Transamérica e desativa sua versão na rádio
Stêvão Limana. Imagem: YouTube

Fim da era Douglas
CNN Brasil encerra parceria com Transamérica e desativa sua versão na rádio

por Iana Aguiar

A CNN Brasil anunciou nesta sexta-feira (15/12) o término de sua iniciativa no segmento de rádio, marcando o fim da parceria estabelecida com a Transamérica em outubro de 2020. A decisão interrompe um projeto que proporcionava quatro horas diárias de conteúdo jornalístico na frequência FM. Embora o número exato de demissões decorrentes dessa mudança ainda não seja conhecido, está confirmada a permanência do âncora Stêvão Limana.

Esse movimento é interpretado como o fechamento de um capítulo iniciado por Douglas Tavolaro, ex-vice-presidente de Jornalismo da Record e responsável pela implementação da franquia da CNN no Brasil. Douglas, que deixou a empresa em 2021 após divergências com Rubens Menin, seu sócio majoritário, dedicou-se posteriormente a um projeto de telejornalismo assistido por inteligência artificial e agora trabalha no lançamento da versão brasileira da MSNBC.

Continua depois da publicidade

O encerramento das operações da CNN Rádio faz parte de um amplo processo de redução de despesas iniciado há mais de um ano. Este processo resultou na demissão de aproximadamente 40 profissionais, incluindo nomes conhecidos como Monalisa Perrone, Boris Casoy e Gloria Vanique.

Em um comunicado interno, a direção da CNN Brasil enfatizou que sua estratégia de expansão continua focada no fortalecimento de suas plataformas digitais e televisivas, priorizando a relevância e o equilíbrio jornalístico.

Continua depois da publicidade

Recentemente, a CNN Rádio havia sofrido reduções em sua programação, passando de seis para quatro horas de transmissão diária, das 5h às 9h. Além disso, profissionais que haviam sido contratados especificamente para o projeto, como Sidney Rezende e Roberto Nonato, ambos ex-Globo, deixaram a empresa em cortes realizados em dezembro de 2022 e agosto de 2023, respectivamente.

A rádio era transmitida pela Transamérica em 15 importantes mercados brasileiros, abrangendo cidades como São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Belo Horizonte, Salvador, Curitiba e Recife.

Continua depois da publicidade

A Transamérica, por sua vez, declarou que, com o término dessa colaboração inovadora entre rádio e televisão, redirecionará seu foco para a programação de entretenimento e esportes, suas características principais. A seguir, a nota divulgada pela CNN Brasil sobre o encerramento das atividades da rádio:

“A CNN Brasil comunica que a partir desta data encerra sua parceria com a rádio Transamérica FM (FM 100,1 em São Paulo) que foi estabelecida em 2020.”

Continua depois da publicidade

“A CNN Brasil agradece imensamente a todos os colaboradores que se dedicaram à CNN Rádio ao longo desse período e também à valiosa relação com a Transamérica, uma experiência que acreditamos ter sido produtiva para todos.”

“A estratégia de expansão da CNN segue definida com investimento crescente nas nossas plataformas digitais e TV e com o fortalecimento dos pilares de relevância e equilíbrio do nosso jornalismo, amplamente reconhecidos pelo público e pelo mercado.”

Continua depois da publicidade

Veja também

Notícias da TV, dos Famosos, Celebridades, Streaming, Cinema e mais

mais lidas

O “Fofoque Aqui” utiliza cookies e tecnologias semelhantes para aprimorar sua navegação no site, além de recomendar conteúdo e publicidade de seu interesse. Ao continuar navegando em nossas páginas, você declara ciência e concordância com a nossa política de privacidade.

© 2024 Fofoque Aqui

O "Fofoque Aqui" utiliza cookies e tecnologias semelhantes para aprimorar sua navegação no site, além de recomendar conteúdo e publicidade de seu interesse. Ao continuar navegando em nossas páginas, você declara ciência e concordância com a nossa política de privacidade. Aceitar

Adblock Detectado

O "Fofoque Aqui" é gratuito, mas depende da publicidade divulgada em nossas páginas para continuar online. Por favor, ajude-nos desativando a extensão AdBlocker de seu navegador.